Blog Puro Bem-Estar

/Tendências

Onde colocar meu ventilador de teto?

 

Com as temperaturas aumentando a cada dia que passa, tudo que a gente mais quer é uma maneira de driblar o calor, principalmente dentro de casa, onde a circulação do ar costuma ser bem menor e, geralmente, é onde a gente costuma passar grande parte do tempo. As opções para o combate do calor são várias, mas a mais escolhida pelas pessoas costuma ser o ventilador.

 

Econômico e prático na instalação (vantagens que influenciam diretamente na escolha entre ventilador e ar-condicionado), o aparelho tem a função de ventilar o ar e tornar o ambiente mais fresco e arejado. Mas e quando a vontade é de instalar um ventilador por cômodo e garantir uma casa inteira fresquinha e ventilada?

 

 

 

Onde eu posso colocar um ventilador de teto?

A resposta é simples: onde você quiser! Mas alguns detalhes e cuidados merecem atenção na hora de escolher o modelo e instalá-lo. Nós separamos algumas dicas sobre a colocação de ventiladores nos diferentes cômodos da casa!

 

Quarto

O quarto é quase uma exigência unânime quando o assunto é onde colocar um ventilador de teto. A maior vantagem do ventilador de teto é poupar espaço e isso está bastante ligado a essa escolha: geralmente por terem um espaço limitado, os quartos são boas opções para a instalação de um ventilador de teto, além de ser o cômodo onde a gente passa a maior parte da noite, horário em que se torna praticamente insuportável lidar com o calor.

Neste caso, única ressalva necessária é se atentar ao tamanho seu quarto na hora de escolher o seu aparelho, assim você garante que está adquirindo a opção que terá o melhor e mais econômico desempenho possível. É importante observar também as especificações mínimas do ventilador com relação à distância do chão, de portas e de janelas.

 

Sala

Cômodo em que as pessoas se unem com frequência ou passam parte do seu tempo livre, seja assistindo à TV, lendo um livro ou mesmo batendo papo, a sala pode ser um ambiente interessante para quem busca resfriar um espaço lazer com bastante circulação.

Aqui, principalmente, vale a dica da relação entre o espaço do ambiente e a potência do ventilador, especialmente se o tamanho da sua sala for grande. De nada vai adiantar a instalação de um ventilador se este não vai dar conta do recado; por isso, preste bastante atenção nas proporções recomendadas!

 

Cozinha

A cozinha não é um ambiente muito comum quando o assunto é ventilador, mas pode ser uma boa opção considerando que se trata de um cômodo geralmente quente, em virtude do calor do fogão. Nada te impede de instalar um ventilador de teto na sua cozinha, desde que você se comprometa em realizar uma limpeza adequada no aparelho, visto que as chances de haver acúmulo de gordura, principalmente nas hélices, são grandes. Sendo assim, também é necessário se atentar ao material do qual o ventilador é feito, a fim de facilitar o processo de limpeza e também a durabilidade do aparelho.

 

Escritório

Os ambientes de estudo e de trabalho também são cômodos bastante escolhidos para a instalação dos ventiladores de teto. Geralmente, é por serem ambientes fechados que o calor acaba sendo difícil de suportar e, assim, uma ventilação adequada acaba se tornando necessária. A dica para este tipo de ambiente é dar preferência para os modelos mais silenciosos, visto que o escritório é um espaço no qual o barulho em excesso não é bem-vindo.

 

Agora que você já sabe o que considerar na hora de escolher os cômodos que ficarão mais frescos, que tal dar uma olhada nas opções de ventiladores que o Clube do Lar oferece?

 

 

 

 

Voltar
}