Blog Puro Bem-Estar

/Sustentável

O significado do Dia da Terra

Neste 22 de abril, comemoramos o Dia da Terra - ou Dia Internacional da Mãe Terra, que é o nome oficial. Esta é uma data oficializada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2009, com o objetivo de destacar a responsabilidade coletiva para promover a harmonia com a natureza e a Terra e alcançar um balanço entre economia, sociedade e ambiente. Mas desde 1970, depois da proposta de um senador norte-americano ativista ambiental, a data é comemorada em todo o mundo. A criação de uma agenda ambiental, mais de 40 anos atrás, criou uma pressão sobre governos e autoridades. A pressão social teve seus sucessos e o governo dos Estados Unidos, por exemplo, se viu obrigado a criar a Agência de Proteção Ambiental (Environmental Protection Agency) e uma série de leis destinadas à proteção do meio ambiente. E outras medidas de proteção ao Planeta Terra se desenvolveram pelo mundo a partir desta data.

No dia 22 de abril de 1970, 20 milhões de pessoas nos Estados Unidos, inspiradas pelo senador Gaylord Nelson, saíram às ruas para protestar, pedindo um planeta mais saudável e sustentável. Mesmo sendo os anos 70 e o auge da cultura hippie, os americanos viam a frota de carros crescer mais e mais e as indústrias jogavam poluentes no meio ambiente, sem nenhum tipo de represália ou preocupação das autoridades. Mas até 2009, a data não era reconhecida pela ONU, que, desde então, tem criado campanhas de conscientização baseadas no 22 de abril.

A cada ano, esse dia se torna mais importante. Em tempos de ameaças de mudança climática, exploração insustentável de recursos naturais e outros problemas causados pela ação do homem, é mais do que importante ter uma data para lembrar que a responsabilidade é de todos nós, mesmo nos pequenos gestos.

De acordo com a Wikipedia, os grupos ecologistas aproveitam este dia para avaliar e divulgar os problemas do meio ambiente do planeta: a contaminação do ar, água e solos, a destruição de ecossistemas, centenas de milhares de plantas e espécies animais dizimadas, e o esgotamento de recursos não renováveis. Utiliza-se este dia também para insistir em soluções que permitam eliminar os efeitos negativos das atividades humanas. Estas soluções incluem a reciclagem de materiais manufaturados, preservação de recursos naturais como o petróleo e a energia, a proibição de utilizar produtos químicos danosos, o fim da destruição de habitats fundamentais como as florestas tropicais e a proteção de espécies ameaçadas. Por esta razão é o Dia da Terra.

Para 2014, o tema escolhido é Cidades Verdes. A energia limpa, os edifícios verdes e meios de transporte sustentáveis são os pilares destas cidades-modelo do futuro. A campanha alerta para a urgência de criar uma harmonia entre o acelerado desenvolvimento urbano e a preservação da natureza e dos recursos naturais.

De acordo com o modelo apresentado pela campanha, nas cidades verdes, as mais ideais para a saúde do planeta, a energia é produzida a partir de energias renováveis, como a energia do sol ou dos ventos, e distribuída através de microrredes eficientes e fidedignas. As Cidades Verdes são aquelas também em que as habitações possuem elevada eficiência energética, que não desperdiçam água e cuja produção de resíduos é reduzida. Em termos de mobilidade urbana, as Cidades Verdes são aquelas que incentivam meios de transporte sustentáveis, disponibilizando opções de transporte público limpo e incentivando o uso da bicicleta, bem como as deslocações a pé.

Para mais informações sobre o Dia da Terra, acesse o site oficial [em inglês].

Fonte: ONU, Uol, Terra, Wikipedia, Earth Day Org

 

Voltar
}